Jogos Universitários INTERUNIR 2018


Acadêmicos da UNIR participam dos jogos universitários INTERUNIR 2018


    De 30 de maio a 3 de junho aconteceu em Porto Velho a 4ª edição dos Jogos Interatléticas da UNIR (INTERUNIR), que reuniu mais de 450 atletas em diversas modalidades esportivas. O INTERUNIR é disputado por acadêmicos dos cursos de graduação da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR) que se reúnem e formam equipes para o torneio, as chamadas Associações Atléticas.

    A abertura do 4º INTERUNIR aconteceu na noite da quarta-feira, 30, no Ginásio Tatuzão, no campus da UNIR de Porto Velho, e contou com a presença do vice-reitor, professor doutor Marcelo Vergotti, que representou o reitor Ari Ott, além do público que compareceu para prestigiar o evento.

    Organizado pela Atlética Macabra, que montou uma comissão para desenvolver toda programação, e com apoio da Pró-reitora de Cultura, Extensão e Assuntos Estudantis (PROCEA), a competição tem como objetivo integrar os universitários da UNIR, além de promover a prática das diversas modalidades esportivas existentes nas atléticas.

Anualmente, o evento vem se superado tanto na questão de organização, quanto na quantidade de atletas e de público. O coordenador de Esporte e Lazer da PROCEA, professor João Bernardino Neto, observa que a participação dos alunos foi tão grande que mesmo com os jogos sendo realizados nos três turnos, foi necessário utilizar outros espaços. Além do Ginásio Tatuzão, as partidas aconteceram também no Centro do Menor, na Escola Getúlio Vargas e no Colégio Dom Bosco.

    Nesta edição, as Atléticas participantes foram as seguintes: Atlas (Geografia), Demolidora (Engenharias), Esmagadora (Educação Física), Enfurecida (Enfermagem), Furiosa (Biologia, Matemática e Química), Lendária (História e Letras), Macabra (Administração, Economia e Ciências contábeis), Neurótica (Psicologia), Predadora (Medicina), Perversa (Direito) e Titânica (Ciências da computação, Artes e Música).

    Os atletas disputaram nas modalidades de Voleibol, Basquetebol, Tênis de Mesa, Sinuca, Handebol, Futsal, Truco e Xadrez. A Atlética Esmagadora foi a campeã deste ano, seguida pela Perversa e Predadora, que ficaram em 2º e 3º lugar, respectivamente. A Atlética Esmagadora e a Perversa empataram no saldo de pontos, mas o resultado final dos jogos foi decido de acordo com os critérios de desempate do regulamento.

Para o coordenador geral dos jogos, Charles Xavier, acadêmico e integrante da Atlética Macabra, responsável por realizar os jogos este ano, o INTERUNIR tornou-se uma tradição.

    “Desde a realização da sua primeira edição em 2014, o fomento do desporto universitário vem crescendo muito e a integração entre a comunidade acadêmica é nítida, observamos isso em virtude da troca de experiências durante o período do evento. Quando iniciamos a realização dos jogos apenas três Atléticas estavam envolvidas e hoje temos a participação de onze Atléticas e mais de 480 atletas”, comentou.

    Charles Xavier destacou ainda o apoio recebido da Reitoria para a realização do torneio, inclusive com a liberação dos alunos para participar dos jogos, por meio da suspensão das atividades acadêmicas no dia 1º de junho. “Dessa forma, conseguimos aumentar a participação acadêmica, possibilitando o comparecimento tanto dos atletas, como do público que vem prestigiar seus colegas dos diversos cursos”, finalizou o coordenador acrescentando que a junção de esforços e colaboração mútua são ações que fomentam o desenvolvimento do esporte universitário.

    O professor Bernardino adianta que a Coordenação de Esporte e Lazer da PROCEA está trabalhando para viabilizar, no segundo semestre deste ano, a realização da segunda edição dos jogos INTERUNIR 2018 em um campus do interior do Estado, com a participação das primeiras colocadas de Porto Velho, juntamente com as equipes do interior.

    O encerramento do INTERUNIR 2018 aconteceu na noite de domingo, 3, com uma apresentação de fanfarra das Atléticas participantes.


>> Clique aqui para ver as fotos <<